domingo, 22 de julho de 2018

Lançamento: Contos de Horror – Júlio Shimamoto

Seis clássicos do mestre Shimamoto restaurados e reunidos pela primeira vez. Histórias originalmente publicadas nas revistas Medo (Press) Mestres do Terror e Calafrio (D’Arte) e Spektro (Vecchi). Participação especial de Júlio Emílio Braz. Produção conjunta Atomic Books e Quadrante Sul Comics

Neurose I
Medo nº 1 (Press Editorial) 1985
Roteiro e desenhos de Júlio Shimamoto.
Em 1985 Shima voltava aos quadrinhos, vindo da publicidade.
Nesta publicação da Press, produzida pelo Estúdio Ofeliano de Almeida, criou a série “Neurose” onde utiliza uma nova expressão gráfica em preto e branco e duas dimensões (já despontava aqui sua inquietude com novas técnicas e materiais inusitados) estilo iniciado na HQ “O Ogro”, publicada na revista Calafrio, da D'Arte, lembrando o visual de xilogravura. Na história Gláucio Pontes leva uma vida normal. Casado, um casal de filhos no ginásio, amante. O cantor frustrado (hoje gerente de marketing), tem agora que lidar com seu sócio, que se intrometeu em sua vida querendo lhe tomar tudo.

Sonho Mau
Mestres do Terror Especial nº 3 (D'Arte) 1989
Roteiro Júlio Emílio Braz, desenhos de Shimamoto
Menino tem pesadelo em que sua mãe é implacavelmente perseguida por um vampiro. Mas será que é um pesadelo realmente? Conto poético que inspirou a capa do presente álbum, belíssimo roteiro de JEB e desenhos fantásticos do mestre, mostrando todo o seu domínio no pincel, sombras e perspectiva aliado à criatividade nos enquadramentos das cenas.

Ponto de Parada
Calafrio nº 20 (D'Arte)
Roteiro Júlio Emílio Braz, desenhos de Shimamoto
Laura tem lembranças de sua vida empreendedora. A construção da estrada, o motel movimentado... tudo isso agora é passado. O presente traz apenas o silêncio da estrada envelhecendo. Os hóspedes indo e não voltando mais. Seu mundo morrendo ao redor. Melancolia e lembranças. Nada parecia alterar isso, até a chegada de um caminhoneiro.

Dança Macabra
Spektro nº 10 (Vecchi) 1979
Roteiro e desenhos de Júlio Shimamoto.
Nessa época do ano, principalmente com suas águas volumosas e turbulentas, o arraial 'remanso' não justifica o nome...contam-se dele histórias terríveis de fantasmas dos afogados que passeiam pelas ribanceiras...'remanso' engole por ano dez, doze pessoas, número nada pequeno para a população do Seridó. Há três dias Xisto, canoeiro experiente, foi arrastado pela correnteza e sumiu. História produzida em 1961.

Possessão Diabólica
Spektro nº 11 (Vecchi) 1979
Roteiro e desenhos de Júlio Shimamoto.
O fantasma de um samurai errante reencarna em outro corpo. Shima aqui está totalmente à vontade no tema das lendas japonesas de honra, duelo e espada. Conta, em meio a muito sangue, a história dos lendários Sassaki Kojirô e Miyamoto Mussashi. Participação especial do maior exorcista do planeta: Zattan Polanski.

O Cataléptico
Spektro nº 13 (Vecchi) 1979
Roteiro e desenhos de Júlio Shimamoto.
Ele tinha medo da escuridão. Medo que chegava às raias da loucura. Sua esposa, mais do que ninguém, desejava saber a razão do seu medo. Um dia ele resolveu revelar seu segredo.

Serviço
Contos de Horror – Júlio Shimamoto
Álbum com 64 páginas, formato 15,5x23 cm, capa 4x0 cores papel couché 300g Prolan fosco HiTac, miolo 1x1 cor papel offset 115, lombada PUR.
R$ 25,00 (frete registrado incluso no valor)

Depósito Bradesco:
Agência: 1552-0
Conta Corrente: 20906-6
Marcos de Freitas da Silva
CPF 595802401-91
Comprovante:
atomiceditora@gmail.com